Mudar o Poder e Fazer a Paz: Como as Energias Renováveis Contribuem para Mitigar a Atual Crise de Combustível

Depois de experimentar mais de um evento “uma vez na vida” nos últimos dois anos, será que devemos simplesmente ficar de braços cruzados e deixar o mundo à sua própria sorte? Não, precisamos falar sobre as crises atuais às quais não podemos fechar os olhos e as preocupações da humanidade que estão entrelaçadas com o planeta. Mas também precisamos falar sobre resiliência, mudança e adaptação diante da adversidade. Após o conflito Rússia-Ucrânia, o mercado mundial de petróleo e gás tem visto uma escalada dramática nos preços dos combustíveis nas últimas semanas, causando insegurança no fornecimento e incerteza quanto ao futuro dos custos de produção.

O aumento dos preços da energia não é apenas uma questão de curto prazo.

O sistema global de energia não é isolado; pelo contrário, é uma rede mundial de relações interligadas e um sistema cuja perturbação causará um efeito de ondulação. Podemos ver o impacto já hoje. De acordo com o EEX Market Data Services, o índice europeu de gás atingiu um máximo de + 250 euros/MWh, mais de 300% maior do que no início do ano. Os preços reais ainda são 40% mais altos do que antes do conflito Rússia-Ucrânia.

De acordo com o relatório da Forbes sobre uma análise da Goldman Sachs, os preços do petróleo poderiam atingir US$125 por barril até este verão. Os analistas também prevêem que o conflito Rússia-Ucrânia e a incerteza em torno de possíveis sanções criarão um “choque de fornecimento” nos mercados globais de energia, que já estão em apertado fornecimento. A volatilidade dos preços é provavelmente o que permanecerá constante com um aumento geral dos custos de energia a longo prazo.

A volatilidade do mercado é preocupante no curto prazo, levando a uma inflação mais alta.

O aumento do preço da energia é uma questão significativa; seus impactos se manifestam rapidamente em vários aspectos da vida cotidiana. Entretanto, o fator determinante é a volatilidade dos mercados. Entramos num período de alta volatilidade do mercado devido a uma nova situação geopolítica internacional que pode durar alguns meses antes de se estabilizar. Portanto, é do interesse das empresas reduzir os riscos causados por esta volatilidade, que afeta tanto as futuras contas de energia quanto o planejamento de investimentos de curto e longo prazo.

As empresas industriais inevitavelmente passarão os efeitos desta instabilidade nos custos de compra para seus preços de venda. Portanto, em última análise, os consumidores finais, ou seja, toda a economia, sofrerão com esta volatilidade. Isto levará inexoravelmente a um aumento da taxa de inflação, desestabilizando ainda mais a economia.

Mundialmente, o setor industrial representa 1/3 do consumo global de energia, sendo a maior parte utilizada para aquecimento e o restante consumido como eletricidade. As empresas industriais têm, portanto, uma participação significativa na estabilidade da economia. O interesse geral atende ao interesse das empresas industriais. É essencial que estas empresas acelerem sua transição para soluções novas e renováveis de energia. É de seu interesse reduzir sua dependência de energias cotadas nos mercados internacionais se elas quiserem permanecer competitivas.

Há uma saída

As soluções existem. As tecnologias de energia renovável já provaram sua capacidade técnica e econômica de fornecer calor, resfriamento e eletricidade sustentáveis utilizando coletores solares térmicos, módulos fotovoltaicos e bombas de calor. Além disso, os métodos e aplicações para combinar estas tecnologias para obter um mix tecnológico otimizado estão maduros e disponíveis no mercado.

Christian Zahler, o diretor administrativo e um dos fundadores da Industrial Solar GmbH – pioneiro no fornecimento de soluções de energia solar para o mercado industrial, com sede em Freiburg, Alemanha – diz que “os preços atuais da energia permitem soluções inovadoras para alcançar taxas de retorno de investimento sem precedentes”. Nossas soluções já alcançaram um retorno de investimento em menos de 5 anos e em alguns casos, mesmo abaixo de 3 anos”.

Soluções inovadoras podem melhorar a segurança do fornecimento de energia dos clientes industriais, ao mesmo tempo em que apoiam os esforços globais de descarbonização.

A energia renovável é pacífica

Ao longo da história, a raiz de muitos conflitos tem sido o controle de recursos. É provável que continue a desencadear tensões no futuro, dado o crescente desequilíbrio entre oferta e demanda. Entretanto, a geração de energia a partir de fontes renováveis é um processo de pacificação, já que estas fontes de energia estão livre e abundantemente disponíveis para todos. A distribuição de energia desempenhará um papel menos significativo na geopolítica se a transição para fontes renováveis for promovida de forma mais determinada.

Outro aspecto importante dos sistemas de energia renovável é, naturalmente, sua contribuição positiva para a descarbonização. Assim, soluções alternativas de energia são cruciais para eliminar vários desafios: os custos energéticos podem ser reduzidos, a independência aumenta, o meio ambiente é preservado e a paz é promovida.

A indústria deve perceber que a mudança para as energias renováveis é inevitável e indispensável. Especialmente na situação atual, não há mais desculpas para adiar a transição para as energias renováveis, mesmo do ponto de vista econômico.

Não podemos ficar de braços cruzados e aceitar tudo sem uma palavra. Devemos agir com consciência e pressionar por uma transição energética justa e rápida. Agora é a hora!